Confederação Nacional dos Trabalhadores Metalúrgicos

Indústria

Seminário no Rio reúne empresários, economistas e sindicalistas para debater a indústria e o futuro do trabalho

 

Realizado nesta quinta, 24, no Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro, o seminário foi uma parceria da CNI com as centrais Força Sindical, CUT, UGT, CSB, Nova Central e CTB – para fomentar o debate em torno do desafio de qualificar e requalificar milhões de trabalhadores brasileiros para a quarta revolução industrial, a Indústria 4.0.

Durante o evento, especialistas, dirigentes dos trabalhadores e representantes da indústria debateram o cenário mundial e brasileiro de transformação das profissões, do emprego e da produção.

O primeiro painel, com o tema “Transformações no sistema produtivo e o futuro do Trabalho”, analisou como o Brasil enfrentará os impactos das mudanças tecnológicas nas atividades econômicas, principalmente na indústria, e no mercado de trabalho brasileiro em geral.

O segundo, com o tema “O Trabalhador do futuro e sua formação”, debateu os desafios da educação e da qualificação profissional para a inserção, a permanência e a ascensão do trabalhador num mercado de trabalho em constante mudança.

Participou deste segundo painel, o presidente da Força Sindical, Miguel Torres, também presidente da CNTM e do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo e Mogi das Cruzes. “Precisamos de uma indústria forte, que gere empregos de qualidade para todos os trabalhadores e trabalhadoras, com direitos garantidos, melhores salários e renda e trabalho decente. Somente assim a indústria nacional voltará a ter uma participação maior no PIB nacional, girando a roda da economia e colaborando para a retomada do desenvolvimento econômico e social do Brasil”.

Fontes: http://www.portaldaindustria.com.br/cni/ e Redação CNTM

_JPL2410190008

ENVIE SEUS COMENTÁRIOS