Confederação Nacional dos Trabalhadores Metalúrgicos

Notícias

Metalúrgicos de São Paulo sediam ato de encerramento do Março Mulher

O Março Mulher organizado pela Força Sindical em homenagem ao Dia Internacional da Mulher (8 de Março) foi encerrado nesta quarta, 30, com um ato na sede do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo, na Liberdade, e uma passeata até a Superintendência do INSS, no Viaduto Santa Ifigênia, na região central.

Cerca de 500 mulheres, sindicalistas de várias categorias e trabalhadoras, com faixas de “NÃO À PERDA DE DIREITOS” e “RATIFICAÇÃO DA CONVENÇÃO 156 DA OIT”, entregaram no INSS um documento no qual repudiam a proposta do governo federal de unificar o tempo de contribuição para aposentadoria de homens e mulheres. Hoje, as mulheres se aposentam com 30 anos de contribuição e os homens com 35 anos.

Miguel Torres, presidente do Sindicato e da CNTM, vice-presidente da Força Sindical, enalteceu as ações das mulheres que durante um mês debateram as questões da igualdade, da violência e do assédio moral, e os avanços. Ele falou da crise e das perseguições ao movimento sindical que visam tirar direitos. “A crise é geral, mas quem mais sofre são os trabalhadores, com a perda dos seus empregos e da renda. Temos que estar preparados para impedir os ataques aos direitos, porque é na crise que aparecem as aves de rapina”, disse.

ENVIE SEUS COMENTÁRIOS