Confederação Nacional dos Trabalhadores Metalúrgicos

Coluna Sindical

Centrais sindicais recepcionam novo SubProcurador-Geral do Trabalho

As Centrais sindicais promoveram almoço em recepção ao novo SubProcurador-Geral do Trabalho Dr. Francisco Gérson Marques de Lima, em Brasília, recém promovido ao cargo, originário da Procuradoria Regional do Trabalho da 7ª Região (Ceará).

O evento ocorreu na terça-feira (29/09) e contou com a presença das seis Centrais aferidas (Força Sindical, CUT, CTB, CSB, UGT e Nova Central), por seus presidentes, membros da diretoria e advogados.

Foi muito simbólica a recepção, por expressar a atenção do sindicalismo às ocorrências na cúpula do MPT e apresentar a deferência das Centrais ao prestigiado Dr. Gérson Marques, que tem histórico de proximidade e compreensão do sindicalismo, tanto na vivência prática quanto na doutrina.

0 Procurador-Geral do Trabalho, Dr. Alberto Balazeiros, não se encontrava na cidade, por razões institucionais, mas se comunicou por videoconferência e manifestou a importância do reconhecimento dado pelo sindicalismo a um dos membros do Parquet.

Já o Dr. Erlan Prado, Procurador Regional, que auxilia nos processos do MPT na Procuradoria Geral da República, também parabenizou pela justa homenagem. Entre os advogados, destaca-se o Dr. Luís Camargo de Melo, ex-Procurador-Geral do Trabalho, que se aposentou do cargo para exercer a advocacia.

Miguel Torres, Presidente da Força Sindical e da CNTM, que fez a recepção do SubProcurador-Geral, em nome das Centrais, salientou a importância de prosseguir com a aproximação entre o sindicalismo e a Procuradoria-Geral do Trabalho, porquanto há muitos desafios comuns a ser enfrentados, respeitando-se as atribuições de cada ator social.

O SubProcurador-Geral Gérson Marques comentou que o MPT vive uma fase de parcerias e de grande atenção à sociedade, na defesa dos direitos sociais, ao que é de fundamental relevância a atuação conjunta em algumas frentes. Ao fim, agradeceu a homenagem prestada pelas Centrais, reconhecendo a singularidade da iniciativa, a qual compartilha com todos da Instituição, especialmente da Procuradoria-Geral do Trabalho.

“Agradeço à CUT, CTB, UGT, Força Sindical, Nova Central e CSB, ao passo que espero contribuir para o resgate do sindicalismo brasileiro, seja de patrões, seja de trabalhadores, no equilíbrio de forças entre o capital e o trabalho”, falou o SubProcurador-Geral, pondo seu gabinete à disposição das Centrais.

Fonte: https://www.excolasocial.com.br/centrais-sindicais-recepcionam-novo-subprocurador-geral-do-trabalho/

ENVIE SEUS COMENTÁRIOS