Confederação Nacional dos Trabalhadores Metalúrgicos

BLOGS
Consultor Sindical

Consultor Sindical

João Guilherme Vargas Netto Consultor Sindical

Consultor Sindical

Ousadia

João Guilherme Vargas Netto,
consultor de entidades sindicais de trabalhadores

Vou cometer uma auxese epitrópica, um exagero em que se afirma algo que pode ser contestável.

A pandemia tem colocado para os brasileiros dois desafios: enfrentar o coronavírus, evitando a Covid-19 e se desvencilhar do bolsonavírus, respeitando a Constituição.

O primeiro desafio, ainda a ser vencido, pressupõe isolamento social, regras de higiene, fortalecimento do SUS e gastos imediatos e ilimitados do Estado.

Suponho (um exagero contestável) que o segundo desafio tenha sido resolvido à moda boliviana recente: – Peça seu boné e retire-se!

Teríamos então, respeitada a Constituição, a presidência de Mourão, que deve ser supervisionado.

O próprio movimento de união nacional que provocará o pedido do boné e a entronização de Mourão cuidará dos termos de sua supervisão, com amplitude, urgência e determinação.

Há, nesta tarefa, quatro esteios que equilibram o arranjo (além dos suportes militares em que não mexe).

O ministério da Saúde, que pode ou não continuar com Mandetta ou ser entregue a alguém mais qualificado do “partido da Saúde”.

O ministério da Economia em que dominará alguém recém convertido ao keynesianismo e menos indolente ou menos teimoso que o Guedes.

Na Justiça, ministério importante porque é “Justiça e Segurança” substitui-se o moralista justiceiro Moro por um verdadeiro estadista experiente.

Falta a quarta perna. E esta seria constituída pela recriação do ministério do Trabalho, Emprego e Previdência Social, sob o comando de um interlocutor privilegiado de trabalhadores e patrões, capaz de valorizar o mecanismo essencial das negociações sociais, aproximando entre si os grandes agentes que podem estabilizar o quadro.

O ministério deve ser recriado com o peso que teve quando foi criado pela Revolução de 30.

Para vencer, é preciso ousar.

João Guilherme Vargas NettoConsultor Sindical

ENVIE SEUS COMENTÁRIOS